Close

6 de outubro de 2020

Dicas para usar e personalizar modelos de e-mail

O e-mail é uma das melhores ferramentas de contato entre empresas e clientes. O baixo custo é uma das principais vantagens, mas a possibilidade de enviar a mesma mensagem para várias pessoas também é algo atrativo.

Já imaginou como seria bom ter uma maneira de tornar a escrita de e-mails mais rápida para poder se concentrar em outras tarefas importantes na sua empresa? 

Modelos de e-mail são mensagens pré-configuradas que permitem um nível de personalização. Dessa forma, você pode não apenas aumentar o seu fluxo de correio eletrônico, como também dar aquele toque de pessoalidade que faz toda a diferença ao contatar clientes e leads.

Essa estratégia pode ser ainda mais funcional se você combinar um modelo de e-mail com um sistema automatizado de envio, recurso que normalmente é disponibilizado por um CRM de vendas.

A ferramenta permite que uma mesma mensagem atinja dezenas de clientes que estão em uma mesma etapa do funil de vendas, sem exigir do vendedor esforços de contato individual.

Além disso, ela também permite conferir relatórios de resultados e fazer ajustes sempre que necessário. Dessa forma, você não precisa dedicar mais tempo do que o necessário em tarefas desse tipo. É como se a plataforma fizesse parte do seu trabalho por você, permitindo focar em outros pontos importantes do negócio.

Porém, escolher ou personalizar seu próprio modelo de e-mail não é uma ciência exata. Existem alguns pontos principais a lembrar para ter a máxima chance de sucesso. Confira!

Pense no assunto do email

É fato que as pessoas têm uma probabilidade muito maior de abrir seu e-mail se o nome delas estiver na linha de assunto. Assim, se possível, inclua o nome do cliente em potencial nessa linha. 

Isso é especialmente verdadeiro com e-mails frios em que você é um completo estranho. Além disso, manter essa linha concisa, específica e pessoal é um componente-chave.

A primeira frase no corpo do e-mail é ainda mais importante do que você imagina. Muitos provedores de e-mail exibem as primeiras linhas de texto no corpo de um e-mail junto com a linha de assunto.

Assim, um pouco de empatia pode fazer a diferença aqui. Coloque-se no lugar do seu potencial cliente e pense no que seria necessário para gerar interesse mas primeiras palavras do e-mail.

Esse normalmente é o único texto que você de fato digitará. O modelo faz todo o trabalho pesado e permite que você foque nas partes do e-mail que mais causaram impacto ao seu cliente em potencial.

Usar nomes de pessoas, empresas e produtos ou mencionar observações que já tenham sido feitas anteriormente, são maneiras de agregar um pouco de calor ao seu e-mail.Agora, que tal colocar em prática essas estratégias de comunicação? Sistemas de CRM são capazes de configurar o envio de e-mails de forma automática e criar padrões para facilitar o trabalho dos vendedores. Converse com um de nossos consultores!

Faça o teste gratuito de 20 dias do CRM LeadStation, clicando no botão abaixo.

6 de outubro de 2020 CRM