Close

22 de dezembro de 2020

Vendedores sob maior risco de esgotamento podem impactar negativamente os negócios

Devido a rotina, a sobrecarga de esforços e a falta de tempo para executar todas as tarefas programadas para o dia, o cansaço e a falta de cuidado com o descanso mental têm aumentado e impactado de forma negativa na qualidade de vida das pessoas.

Pesquisa recente descobriu que seis em cada dez profissionais de vendas estão gastando mais de 40 horas por semana no trabalho e 80% deles estão trabalhando nos finais de semana.

Além disso, neste novo contexto da pandemia 74% dos vendedores estão preocupados com a perda de seus empregos e 52% acreditam que estão trabalhando mais horas, segundo pesquisa feita por uma empresa de recrutamento.

As pesquisas ecoam uma tendência preocupante para trabalhadores em todo o mundo, destacando que os profissionais de vendas estão se sentindo desvalorizados e à beira do esgotamento.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, o esgotamento – uma síndrome resultante do estresse crônico no local de trabalho – se tornou tão prevalente entre os trabalhadores modernos que agora é classificado como um fenômeno ocupacional.

A extensão deste problema atinge diretamente as empresas, afetando a produtividade e, claro, impactando nas vendas. Considerando isso, o papel da tecnologia e as habilidades pessoais são cruciais para o sucesso contínuo de vendas.

Destacamos a seguir dois pontos importantes a serem considerados neste contexto e que podem contribuir para sua empresa em um momento de tantas incertezas como o que estamos vivendo.

As soft skills são as habilidades emocionais que contemplam características como empatia, capacidade para resolução de problemas, uma boa comunicação e perseverança.

São hoje as habilidades mais cruciais nas vendas, pois o processo de compra e venda mudou radicalmente.

Trabalhar com habilidades pessoais faz com que os profissionais de vendas se sintam satisfeitos em sua função e também ajuda o negócio como um todo.

Afinal, vendedores que trabalham regularmente em suas habilidades pessoais têm maior probabilidade de atingir suas metas de vendas.

Por estarem relacionadas à personalidade do indivíduo, as soft skills são muito mais difíceis de treinar que as competências técnicas (hard skills). Porém, essa tarefa se torna possível se forem utilizadas as ferramentas certas.

Treinamentos que utilizam plataformas de e-learning e gamificação, por exemplo, são ótimos recursos para desenvolver treinamentos de soft skills. Por utilizarem uma linguagem lúdica, as aulas se tornam mais interessantes para os alunos, o que ajuda a reforçar o aprendizado.

Pesquisas sugerem que uma boa tecnologia torna os vendedores mais bem-sucedidos. Não tem como duvidar, não é mesmo? Afinal, um sistema de gerenciamento de vendas faz toda a diferença para o negócio, seja ele qual for.

Os profissionais de vendas que usam um CRM, por exemplo, têm 9 pontos percentuais a mais de probabilidade de atingir sua meta anual de vendas no ano passado.

Está procurando um CRM capaz de organizar as vendas da sua empresa?

O LeadStation é uma plataforma online para gestão de vendas, que integra de forma automática todos os leads da sua empresa e disponibiliza um ambiente inteligente para que sua equipe de vendedores possa converter ainda mais.

Conheça mais clicando no botão abaixo e fale com um de nossos consultores ainda hoje!

22 de dezembro de 2020 CRM